Como identificar mentiras em uma entrevista de emprego?

Infelizmente, muitas pessoas mentem em entrevistas de emprego por se sentirem inseguras ou menos preparadas que os demais candidatos. Porém, contar mentiras em uma entrevista de emprego pode ser muito prejudicial para o negócio. Afinal, o empreendedor precisa de um colaborador que tenha as competências que diz ter e que seja confiável. Por isso, separamos algumas dicas para te ajudar a identificar mentiras durante o processo de contratação. Confira:

Qualificação

Um dos principais motivos que leva alguém a contar mentiras em uma entrevista de emprego é a falta de qualificação. Por isso, um currículo cheio de cursos precisa ser olhado com atenção. Pergunte ao entrevistado sobre os cursos que ele fez e como eles podem ajudar a empresa. Se a pessoa mentiu, ela não estará preparada para conversar sobre isso.

Habilidades

Outro ponto que pode ocasionar mentiras em uma entrevista de emprego é a falta de habilidade. O entrevistado pode dizer que tem domínio sobre um software, por exemplo, quando na verdade ele sabe pouco ou quase nada. Você pode identificar se ele está falando a verdade aplicando um teste prático. Isso revelará a verdadeira habilidade do candidato.

Pontualidade

É comum os candidatos afirmarem que nunca se atrasam. Afinal, para um empreendedor todo colaborador deve chegar no horário. Porém, a pontualidade é uma das principais mentiras em uma entrevista de emprego e o empregador fazer mais perguntas sobre isso. Você pode perguntar brevemente sobre a rotina do entrevistado antes e depois do trabalho e como ele pretende ir para a empresa.

Motivo de demissão anterior

Sem dúvida, é comum ouvir mentiras em uma entrevista de emprego relacionadas ao motivo da demissão do emprego anterior. Não existe nenhum problema intrínseco em relação à causa da demissão, mas não ser honesto sobre isso pode deixar uma impressão ruim. Para saber a verdade, pergunte ao candidato sobre algum comportamento que ele poderia melhorar, ou se ele teve problemas com o chefe ou equipe.

Último salário

Na tentativa de se mostrar um funcionário perfeito e de valor, muitas pessoas podem contar mentiras sobre os salários que recebiam. Neste caso, o entrevistado mente sobre o quanto ganhava e pode dizer que recebia grandes quantias no último emprego. Para saber se o valor apresentado é verdadeiro, basta entrar em contato com o empregador para saber quanto a pessoa realmente ganhava.

Local onde mora

Algumas empresas, na hora de contratar, dão prioridade a candidatos que morem próximo à empresa. Isso porque, principalmente em grandes cidades, uma menor distância entre casa e trabalho pode garantir menos atrasos e imprevistos. Por conta disso, esta é uma das mentiras em entrevistas de emprego que podem surgir. Mas isso só irá atrapalhar caso o candidato não consiga cumprir com os horários.

Vícios

Mesmo que a empresa não precise saber o que um funcionário faz nas horas livres, muitas pessoas gostam de reforçar certas questões, como o uso de cigarro, álcool e drogas. Afinal, é sempre prudente analisar um possível vício. Em geral, esta questão sozinha não é o único fator de reprovação de um candidato. Mas a mentira em si pode indicar falha de caráter.

Pesquisar sobre a empresa

Uma das mentiras em uma entrevista de emprego que pode prejudicar o candidato é quando ele diz que pesquisou sobre a empresa. Esta é uma estratégia que muitas pessoas usam para gerar mais empatia e vínculo com o entrevistador. Perguntar para o candidato o que mais chamou a atenção dele sobre a empresa já pode mostrar se ele diz a verdade ou não.

O processo de contratação é muito importante. Por isso, nem candidato, nem empresa devem basear esta conversa em mentiras.

You May Also Like

Como a localização da sua empresa pode impactar nas vendas

Como o MEI e o simples favorecem o micro-empreendedor

Temos Vagas | Assistente Administrativo

Temos Vagas | Analista de UX

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *