6 dicas de comunicação e vendas para aplicar em sua empresa

Muita gente ainda subestima o poder da comunicação para se alcançar o sucesso, ou deixa este aspecto como segundo plano e quase sem investimentos, esperando obter um resultado positivo. A grande questão é que a comunicação é, realmente, a única forma de alavancar as vendas, sem truques ou fórmulas, mas com técnicas e esforço. Por isso, para te ajudar a investir corretamente, preparamos 7 dicas sobre venda e comunicação que vão ajudar você a alcançar seus objetivos e atingir o resultado esperado.

Seja diferente

Para ingressar e ter sucesso em determinado nicho de mercado, primeiro é preciso ter em mente que a sua empresa está inserida em um cenário cheio de produtos e serviços iguais aos seus e que existem pessoas entregando o mesmo que você. Portanto, é preciso tornar a sua mensagem única e inesquecível e você pode fazer isso utilizando técnicas inovadoras de aproximação, alguma técnica de venda ou de mercado que possa ser um diferencial, ou qualquer outra habilidade que te destaque dos demais concorrentes.

Faça muitos contatos

A palavra de ordem da vez é networking, ou seja, é construir uma rede de contatos profissionais para trocar experiências, informações e estabelecer relacionamentos positivos que ajudem você e seu negócio. Para quem é vendedor ou proprietário de uma empresa, quanto maior for o seu networking, maiores são as opções, opiniões e oportunidades disponíveis para você aprender mais e investir corretamente no seu empreendimento. Com esta gama maior de contatos, você ainda pode garantir novas ideias e conhecer bem o seu público.

Invista na prospecção de clientes

Um ponto chave e muito importante para qualquer empreendedor é investir em prospecção para encontrar os clientes certos. Como o cliente ideal não está em qualquer lugar, é preciso saber como e onde encontrá-lo. Uma dica para você saber por onde começar é separar os seus cinco ou dez melhores clientes e traçar um perfil deles que pode incluir características físicas, psicológicas, de compra ou comportamento, por exemplo. Assim, você consegue desenvolver o tipo de cliente perfeito para o seu negócio, tornando mais prático e rápido o caminho para encontra-lo.

Busque se aprimorar

Uma coisa é certa: independente de você ter um ou vinte anos de experiência no mercado, é sempre tempo de aprender coisas diferentes sobre sua profissão, já que as novidades surgem o tempo todo. Não existe um ponto na sua carreira onde você vai deixar de buscar por conhecimento e experiência, e, por isso, é preciso estar aberto para o que vem e aproveitar para se tornar um profissional atualizado e melhor. Ter conhecimento é ter confiança, credibilidade e poder.

Seja direto e sucinto

Vender é comunicar e isso significa que quanto mais direto e sucinto você for, maiores são as suas chances de atingir os objetivos. Uma dica é você começar sua venda apresentando uma descrição breve, por exemplo, dez palavras, daquilo que você faz, vende e é. Ir direto ao ponto pode ser difícil no começo, mas isso se torna mais fácil com o tempo e ainda pode te ajudar a aprimorar cada vez mais o seu negócio e a sua forma de vende-lo para o seu público-alvo.

Seja a sua melhor versão

Todo mundo possui defeitos e falhas, como dificuldades para falar em público ou gesticular muito com as mãos, por exemplo, e isso deve ficar longe dos seus clientes. No momento da venda e atendimento, você deve trabalhar com a sua melhor versão, sendo limpo, organizado, calmo, ou seja, a sua versão mais perfeita. Estes aspectos transformam a sua imagem na mente do cliente e ele passa a creditar que está lidando com alguém confiável.

Compartilhe:

Aumente sua produtividade organizando o espaço de trabalho

Estar em um ambiente de trabalho organizado te ajuda a manter o foco no que importa e a garantir que sua produção aumente. Além disso, a organização da área onde você trabalha traz outras vantagens, como a otimização do tempo, já que você não perde minutos ou horas preciosas tentando encontrar alguma coisa; economia financeira, pois você não precisa comprar itens novos por ter perdido antigos; e até mesmo cria uma imagem melhor, informando que a sua empresa é organizada e de confiança. Pensando nisso, preparamos algumas dicas para te ajudar na organização do seu ambiente de trabalho:

Deixe o espaço livre se trabalha em casa

Se você é o profissional que faz home office, o ponto chave para manter a organização do ambiente é separar um espaço exclusivo para o trabalho, não misturando com itens que sejam da casa. Independente do tamanho da área destinada para o home office – pode ser uma mesa, um quarto ou um pedaço da sala, reserve este espaço para manter apenas os materiais e assuntos profissionais. Pode parecer complicado no começo, já que você está trabalhando na sua própria casa, mas é importante para você se manter mais organizado, concentrado e produtivo.

Concentre o máximo de informação no computador

Uma dica importante para manter a organização no ambiente profissional, manter o foco e evitar o retrabalho é concentrar o máximo de informações no computador. Por exemplo: se você faz anotações em papel para depois passar para o computador, por que não fazer direto na máquina? Deste modo, você evita o retrabalho e poupa minutos ou horas preciosas do seu dia. Outro ponto de vantagem em manter as informações no computador é você ter tudo concentrado em um só lugar, sendo mais fácil de você encontrar o que precisa e evitar o acúmulo de papel.

Organize seus livros

Alguns escritórios precisam manter livros de registro, cadastro, controle, entre outros, e, por isso, não podem deixar tudo concentrado em um computador. Com isso, acaba sendo normal os livros se acumularem em armários, mesas e prateleiras com o passar dos meses e anos. E para manter tudo organizado, é preciso realmente separar os livros que podem ser descartados daqueles que ainda são utilizados, destinando um local específico para estes e doando ou descartando aqueles. Ou seja, para manter o ambiente organizado é preciso abrir mão do que não se utiliza mais e ficar apenas com o essencial!

Divida as pilhas de papel

Outro material que costuma estar por toda a parte em um escritório e pode atrapalhar bastante a organização do ambiente são os papéis. Em cada canto pode haver contas, contratos, lembretes, anotações, correspondências, etc., e para conseguir organizar o espaço de verdade, é preciso separar estes itens. Você pode começar separando os papéis importantes para a empresa, dividindo-os em pastas e arquivando-os. Aqueles papéis temporários podem ser agrupados e descartados após determinada data. E aquela papelada de pendências do dia-a-dia? Estes papéis também podem ser agrupados e, assim que forem resolvidos, também podem ser descartados.

Elimine o excesso de materiais

Todo escritório mantém alguns materiais básicos e de uso comum, como folhas sulfite, lápis, borracha, caneta, grampeador, réguas… Para deixar tudo limpo e organizado, você pode começar primeiro com o descarte ou a doação do que não é útil. Deste modo, você elimina o que não faz mais sentido para o escritório e deixa o espaço livre para o novo. Os itens restantes e que ainda são necessários, podem ser separados em caixas organizadoras de tamanhos variados ou com divisórias e você pode agrupar estes objetos por tamanho, ou mesmo frequência de uso, por exemplo.

Compartilhe:

5 vantagens de vender chip de celular em seu pequeno negócio

chip de celular

Se você tem um pequeno negócio, provavelmente já notou o quanto é importante agregar novos serviços para seus clientes. Além da recarga de celular, pagamento de contas e tantos outros serviços, agora você pode oferecer também a venda de chip de celular.

Veja algumas vantagens que o serviço de venda de chip pode trazer para o seu negócio e incorpore mais esse diferencial na sua empresa.

Continue lendo “5 vantagens de vender chip de celular em seu pequeno negócio”

Compartilhe:

5 erros para evitar ao regularizar sua empresa como corporação

como regularizar uma empresa

O mundo dos negócios é uma das áreas mais divergentes, já que toda vez que uma nova tecnologia surge, ela visa como os empreendedores administrarão seus negócios com facilidade.

A estrutura do seu negócio hoje em dia determina como você deve executá-lo, como pagar impostos e a facilidade com que você pode se fundir com os outros para cortar a concorrência. Uma das estruturas de negócios que muitas pessoas desejam ter é formar uma corporação.

No entanto, alguns empresários incorporaram seus negócios e acabaram lamentando mais tarde. Por quê? É porque eles fizeram isso sem saber se era a estrutura certa para selecionar. A maioria daqueles que incorporaram seus negócios de maneira errada foram levados a uma falha irrecuperável da empresa. Então, quais são os erros mais comuns que alguns empresários têm cometido ao regularizar seus negócios? Aqui estão cinco delas:

Continue lendo “5 erros para evitar ao regularizar sua empresa como corporação”

Compartilhe:

Como fazer o pitch de sua ideia?

pitch

Muitos empreendedores têm grandes idéias que poderiam abalar o mundo. No entanto, 99% deles não têm financiamento de negócios e, a longo prazo, acabam deixando todas as ideias morrer. Isso ocorre porque existe uma lacuna muito grande entre ter uma ótima ideia de negócio e implementá-la totalmente. Essa lacuna que existe só pode ser preenchida com a obtenção de fundos.

Há tantas pessoas que podem estar dispostas a investir em sua pequena empresa, mas só podem fazê-lo se você preparar um bom argumento que estimule e inspire potenciais investidores.

Continue lendo “Como fazer o pitch de sua ideia?”

Compartilhe:

9 fontes de capital para começar sua pequena empresa

fontes de capital

Encontrar o dinheiro para iniciar seus pequenos negócios é geralmente um dos primeiros problemas que os empresários enfrentam. Para a maioria das pessoas, esse processo pode ser difícil e muito frustrante. O que torna este processo frustrante é uma combinação de expectativas erradas e procura de dinheiro em todos os lugares errados.

Lembre-se que encontrar o dinheiro para começar seu pequeno negócio é um jogo de resistência. Você deve trabalhar duro para superar a rejeição em potencial se quiser ter sucesso.

Continue lendo “9 fontes de capital para começar sua pequena empresa”

Compartilhe:

Criando seu plano de negócios em 4 passos

plano de negócios

Começar a escrever um plano de negócios para a maioria dos pequenos empresários é como saltar para o fundo do oceano sem um colete salva-vidas. Eles não têm ideia do que fazer primeiro.

No entanto, há uma verdade sobre planos de negócios para iniciar pequenas empresas: você tem que ter um para ser bem sucedido. Em vez de ingressar em um documento de planejamento de negócios de 50 páginas, o melhor curso de ação é desenvolver um documento interno rápido chamado plano de ação empresarial.

Este documento interno ajudará a orientá-lo no desenvolvimento de seus negócios e a definir o caminho certo para desenvolver seu plano formal. Aqui estão alguns passos em um plano de ação típico.

Continue lendo “Criando seu plano de negócios em 4 passos”

Compartilhe:

9 critérios para escolher seu melhor parceiro de negócio

parceiro de negócio

Chega um momento no mundo do empreendedorismo em que administrar um negócio por conta própria torna-se muito difícil devido a várias razões. Pode ser devido a demandas de expansão que exigem injeção financeira, uma exigência por lei ou muita carga de trabalho na empresa que precisa de outra pessoa trabalhando junto. Isso significa que formar uma parceria de negócios se torna uma necessidade.

Uma parceria parece uma ótima ideia, mas nem todo mundo pode ser um bom parceiro de negócios. A escolha de um parceiro precisa de uma avaliação muito vívida para evitar futuros conflitos na empresa. Sem fazer sua devida diligência, sua empresa pode não prosperar porque você escolheu o parceiro de negócios errado.

Para que uma parceria tenha um bom desempenho, 90% depende de como os dois parceiros são compatíveis. Você precisa de alguém com quem você concorda em muitos problemas.

Em termos de pontos fortes, é bom trazer a bordo alguém que é abençoado com habilidades nas quais você parece fraco. Aqui está um rápido resumo do que procurar em um parceiro de negócios para formar uma parceria de negócios bem-sucedida.

Continue lendo “9 critérios para escolher seu melhor parceiro de negócio”

Compartilhe:

5 ideias de negócios rentáveis para seu novo ano

negócios rentáveis

Ser seu próprio patrão é uma grande parte do sonho do brasileiro e ainda existem muitas ideias que precisam ser exploradas. Alguns precisam de muito investimento de capital, enquanto outros são muito acessíveis e podem ser feitos com uma pequena quantidade de financiamento de negócios.

De acordo com uma pesquisa recente que foi feita pela revista Forbes, todo mundo que está empregado um dia deseja ter seu próprio negócio e pelo menos contratar algumas pessoas. Em outra pesquisa, muitas pessoas preferiram possuir um negócio em casa.

Continue lendo “5 ideias de negócios rentáveis para seu novo ano”

Compartilhe: